Em Março de 2008 fui submetido a uma cirurgia laparoscópica a um quisto do úraco. A cirurgia em si consiste em 3 pequenos furos na zona abdominal por onde passa uma câmara e é injectado ar. A operação é realizada através de pequenas pinças que passam pelos orifícios. Trata-se de uma intervenção muito mais segura do que as tradicionais cirurgias abertas, mesmo assim este facto não deixa de preocupar alguém que toque um instrumento de sopro e saiba que depende da zona abdominal para tocar. Decidi anotar todo o processo evolutivo tendo em conta o meu instrumento.

Existem diversos lubrificantes, de diferentes densidades, adequados à lubrificação de instrumentos musicais. As diferentes marcas possuem diferentes mecânicas que necessitam de lubrificantes de diferente espessura.

Embora seja sempre algo muito relativo este guia pode ajudar a escolher quais os lubrificantes mais adequados.

Na performance da trompa o intérprete pode modificar o som do seu instrumento em diversos pontos, desde inspiração (que precede a criação do som) até ao momento em que o ouvinte perceciona o som. É importante que o trompista tenha consciência dos pontos de controlo sonoro, para poder identificar possíveis falhas e modificar o som.

Notícia revolucionária para os instrumentistas de metal. Recomendo a todos os meus alunos! Sei que também existe em versão de chá...

Resolve qualquer problema de embocadura de forma eficaz e duradoura, basta experimentar... 

A resistência muscular é essencial para a vida de um trompista e condiciona muitas vezes a forma de tocar.

Tente o seguinte exercício e verá resultados mais rápido do que espera: